Número total de visualizações de página

Follow by Email

quarta-feira, 8 de abril de 2009

Dress Code profissional

Hoje lancei um tópico no facebook sobre Dress Cope profissional. Ainda existem exigências na toilette profissional?
Falei com várias pessoas de diferentes áreas, consultores, bancários, criativos e freelancers e parece-me que estão a desaparecer as regras rigorosas de como nos devemos vestir para o trabalho e que as empresas contam com o bom senso dos funcionários.
Mas será que as pessoas sabem o limite e esse limite depende da função que desempenham ou do tipo de negócio da empresa?
Talvez porque faço parte de uma empresa conservadora e de um pais falsamente liberal, ainda acredito que devem haver determinados cuidados e limites.
Para os homens é sempre mais fácil, podem variar entre camisas, gravatas, fatos, blazers, calças e sapatos.
Para as mulheres como sempre é mais dificil, porque querem sempre estar diferentes e evitar vestirem-se sempre da mesma maneira, para além que têm sempre que combinar os acessórios, sapatos, malas, etc.
Independentemente da idade e da função acho que as mulheres devem evitar as mini-saias, os tops curtos e demasiado justos, as camisolas que deixam os ombros de fora, os decotes excessivos, as blusas transparentes, as havaianas, os brincos muitos compridos e a maquilhagem carregada. Resumindo, se estiverem parecidas com o look com que costumam sair à noite ou com que vão para a praia ou com que estão de fim-de-semana, é porque estão demasiado descontraidas e informais para uma atitude profissional. Eu não estou a dizer com isso que a pessoa é menos profissional ou inteligente, mas a imagem continua a contar muito no nosso país e as pessoas são catalogadas pelo seu estilo.
Atenção à forma como se vestem para as entrevistas, deve ser cuidada, mas não muito diferente do que usam no dia-a-dia, não é boa ideia "enganar" a empresa que nos está a pensar contratar.
Gostava de ouvir os vossos comentários.
Beijinhos
Sofia

Sem comentários: